10 motivos pelos quais Reign é inesquecível!

Postado por Staff PRBR

A CW anunciou o fim da série Reign, e isso provocou revolta e tristeza em todo o fandom. Reign merecia muito mais temporadas e reconhecimento! Por isso, escolhemos 10 principais motivos que fazem dessa série Inesquecível!

1° – A série é baseada em fatos reais

Muitos não sabem quando começam a assistir a série, e ficam chocados a descobrir que Reign narra a vida de Mary Stuart (1542-1587), Rainha reinante da Escócia e Rainha consorte da França e que grande parte dos outros personagens existiram realmente, como monarcas marcantes da história, como Catherine Médici e Elizabeth I.

whatsapp-image-2016-12-08-at-11-10-51-amwhatsapp-image-2016-12-08-at-11-10-35-am

2° – Os Romances

Se considerarmos o público-alvo da série, esse é um dos pontos mais envolventes. Reign nos trás casais inesquecíveis, amores épicos e/ou proibidos e triângulos amorosos, sempre com um toque de  sensualidade e realidade.

Obviamente, nessa parte não podemos de citar o casal Frary (Mary e Francis), que conquistou (e ainda conquista?) o coração de 97% dos telespectadores.

Mas se frary não lhe agradou, você provavelmente se deliciou com as cenas do romance inocente de Bash e Mary ou de Claude e Leith, ou até mesmo com casais mais picantes como Catherine e Narcisse ou Kenna e Bash.

3° – O Figurino Maravilhoso!

A série é um desfile de vestidos maravilhosos do primeiro ao último episódio. Tão criticados pela crítica quanto desejados pelas fãs, muito do guarda-roupa é inspirado em vestidos reais das Rainhas e adaptados pela equipe do figurino. Alexander McQueen e Gucci estão entre as marcas queridinhas do guarda-roupa. Mary e suas damas nos proporcionam um verdadeiro show de moda.

Fonte e mais inspirações: Blog Isabela Freitas

4° – O Elenco

O elenco, que tem como estrelas principais Adelaide Kane, Toby Regbo, Torrance Coombs e Megan Follows, torna essa série um sucesso. Além de muito talentosos, distribuem beleza e são atenciosos com os fãs. A equipe e os atores nomeiam a si próprios como “Reign Family”, a Família Reign. Sempre saem juntos em festinhas <3

5º – Trilha Sonora

Uma das coisas mais marcantes da série é a abertura. A música tema (Scotland – The Lumineers) é uma das favoritas dos fãs, além de outras como a do casamento de Mary e Francis.

6°- A Protagonista

A Rainha Mary Stuart é uma personagem cativadora logo no primeiro episódio. Podemos acompanhar de perto a evolução da garota do convento que não entendia seu coração até a Rainha poderosa que entra ensanguentada no castelo da Escócia para retomar seu trono. Mesmo metendo os pés pelas mãos algumas vezes, Mary jamais sairá dos corações de quem a conheceu!

7° – Mistério e Ação

Apesar da fama de drama e romance, Reign possui um toque de mistério desde o episódio piloto que consegue se manter sem levar ao cansaço. As cenas de lutas de Francis, Bash e até mesmo Mary com sua espada e seu exército nos mostram o poder de dos personagens.

8° – Estimula a Buscar Conhecimento Histórico

Vamos ser sinceros: 80% ou mais das pessoas que assistem Reign não conheciam e não eram fãs da Rainha da Escócia, apenas de sua prima famosa Elizabeth Tudor. A série nos estimulou a querer saber mais sobre a história dos personagens e do período histórico em que vivem. Quem não deu aquela pesquisada sobre o Francis e descobriu algo que não queria? :p

Francis e Mary.

9º – Empoderamento Feminino

Reign é uma das poucas séries que conseguem atingir o Teste de Bechdel em episódios consecutivos.

“O teste de Bechdel pergunta/questiona se uma obra de ficção possui pelo menos duas mulheres que conversam entre si sobre algo que não seja um homem. Muitas obras contemporâneas falham no teste, o que é um indicativo de preconceito de gênero.”

As personagens centrais são três rainhas e suas respectivas lutas, todas lutando para manter seu poder em uma sociedade patriarcal que não aceita mulheres no trono. (Olá, John Knox!)

10° – Temas Polêmicos

A série que começou como algo inocente e encantador para adolescentes acompanhou o crescimento de seu público. Podemos ver os personagens amadurecendo e assuntos mais obscuros como aborto, incesto, estupro e até mesmo sadomasoquismo são retratados.